26 de agosto de 2014

Oi Pessoal! Hoje venho contar as novidades do blog e também dizer o porque irei ficar distante algum tempo.

Para quem não sabe as famílias do intercâmbio são voluntárias então muitas vezes demora para que você receba o lugar para onde você vai, foi o que aconteceu comigo, apesar de conhecer muitas pessoas que ainda estão sem Host Family.

Na quarta feira eu sai de manhã com meu pai e logo que voltamos a minha agente nos ligou dizendo que eu havia recebido meu placement. Gritei sim ou com certeza? Na verdade quase me joguei do 12º andar, foi um alívio e senti que era como um peso que eu carregava nas costas a muito tempo a via sido libertado, drama. Já fui correndo abrir o notebook para saber mais novidades e informações da minha família.

Dizem que ela chega quando você menos espera, só tenho uma coisa a dizer: MENTIRA! Eu esperei, eu pensei, eu fiquei noites sem dormir, tomei floral e quase morri sem saber de nada e no dia eu estava esperando como todos os outros.

Tentei me acalmar mas eu só ficava gritando, pensei que meu pai ia surtar falando pra eu ficar quieta, então abri o e-mail e baixei os arquivos do placement. Descobri que irei morar no estado de Michigan em uma pequena, pequena não, minúscula cidade chamada Lawton próxima a Kamalazoo e uma hora e meia de Lansing, capital do Michigan, uma hora e alguns minutos de Detroit e Chicago. Não sabia se estava feliz ou desapontada, eu só sabia que era frio DEMAIS! Michigan é um dos dez estados mais frios do país, é tudo muito lindo mas bem frio. 

Durante dez meses viverei na casa de um casal americano, Bonnie e John, eles parecem ser muito legais e divertidos, eles tem três filhos mais velhos que não moram com eles e três netinhos. Ahh também irei ter bastante animais de estimação como cães, gatos, galinhas e patos. Minha host mom é dentista e meu host dad faz manutenção de maquinas, ela respondeu todos meus e-mails e a primeira coisa que ela disse foi "I LOVE BRAZILIANS" já que eu sou a terceira que eles estão recebendo. Eu ainda não sei muitas informações sobre o local já que a cidade é muito pequena com menos de 2.000 habitantes. Irei estudar na Decatur High School junto com mais 4 intercambistas, eu acho. A escola também é pequena e tem em torno de 400 alunos. O que mais me decepcionei foi por não ter cheerleader mas na escola próxima tem então vou ver se tem possibilidade de fazer lá, ou então aceitar o fato hahaha. As minhas aulas vão começar no dia 2 de Setembro, terei seis aulas por dia e minha host mom que irá me levar para a escola e na volta irei de ônibus. 

O post ficou bem vago mas realmente eu estou descobrindo as informações agora. Os dois intercambistas brasileiros que estão lá me disseram que é lindo, maravilhoso e ficam me fazendo vontade mas tive que esperar meu visto ficar pronto, hoje fui fazer a entrevista e ele foi aprovado!! yay!! 

O dia de embarque também esta escolhido: 30 de Agosto, melhor dizendo... FALTAM QUATRO DIAS! Irei sair de São Paulo, ir para Detroit e de lá para Kalamazoo. Estou com bastante medo mas confiante de que tudo irá dar certo ❀ 

Não sei quando irei ver um notebook novamente, pretendo comprar um logo que chegar mas a escola é prioridade então ficarei alguns dias sem postar mas juro que quando voltar vocês terão muitas novidades!

Alguém ai conhece Michigan?

Marcadores: ,





7 comentários • por Beatriz Ferreira •






23 de agosto de 2014
Blog Voyageur - Application e Host Family

Hoje vou falar um pouquinho do processo de preenchimento do meu Application e minha carta.

O Application recebi em Março de 2013 e até o começo deste ano fiquei enrolando para preencher. Pude fazer tudo com calma e sem stress. Fui ao médico, tomei as vacinas, preenchi os papéis e já até tirei o passaporte, que irei contar com mais detalhes em outro post, e então entreguei dia 16 de Março! 

O Application é chato mas necessário, nele vai conter todas as suas informações. Dentro deste Application você terá que preencher uma carta para sua futura Host Family e esse forninho era muito pesado pra aguentar sozinha, então tive alguns problemas e minha agente que me salvou! amém. Essa carta serve para sua futura família anfitriã, aka Host Family, ler e assim te conhecer melhor sabendo de seus interesses, o que você gosta de comer e o que não gosta. Por isso a minha maior dica é: escrevam TODA a verdade sobre você. 

Não adianta falar que arruma a casa toda, faz a faxina tipo Marinete sendo que não levanta do sofá e não sabe lavar uma louça, porque não vai ser nada legal você chegar na sua família e eles terem uma decepção né?! 

Apesar de que todos nós sabermos que 90% das famílias que nos "escolhem" não leem nosso Application todo e muitas vezes nem sabem da existência desta carta existe a minoria que ainda avaliam e se interessam em saber outras curiosidades sobre quem irão hospedar. 

Então la vai as dicas:
✈ Escreva apenas verdades 
✈ O que gosta de comer o que não gosta 
✈ Se tem alguma alergia 
✈ Conte sobre sua cidade/estado/país 
✈ Sobre a profissão dos seus pais 
✈ Sua rotina (acordo tal hora, vou pra escola de ônibus, volto tal hora, faço isso e depois vou pro inglês) 
✈ O que gosta de fazer no seu tempo livre 
✈ Como é sua escola e suas matérias prediletas 
✈ Conte se vai a igreja, se for quantas vezes na semana e qual sua religião 
✈ Quais são suas expectativas para este intercâmbio e como decidiu entrar para o programa 
✈ Não seja tão formal. Não seja tão informal 
✈ No final agradeça por eles estarem te recebendo 

Lembrando que a carta não pode ser muito grande. Minha agente me forçou a ir diminuindo minha carta de três páginas para no final ficar apenas uma e bem breve. 

Tive dificuldades em fazer esta carta pois não sei escrever sobre mim, então eu escrevia coisas muito desnecessárias e aleatórias. Se não fosse a ajuda da minha agente eu não teria entregue ainda.

Então se tiverem dúvidas não fiquem com vergonha e peçam a ajuda do seu agente, peguem exemplos da internet, deixem comentários aqui no blog ou até mesmo me adicionem nas redes sociais e tenham paciência. Lembre-se que no intercâmbio paciência é tudo e boa sorte!

Marcadores: ,





1 comentários • por Beatriz Ferreira •






19 de agosto de 2014
Blog Voyageur - Festa de Despedida

É muito bom quando fazem uma festa para você. Ver as pessoas que você ama, todas reunidas e se divertindo não tem preço. No dia 12 de Julho eu fiz minha festa de despedida, eu estava tão feliz que o tempo passou voando e quando percebi já tinha terminado. A festa foi aqui no salão do condomínio, eu e minha mãe que organizamos tudo e enfeitamos. Teve karaokê e mini pizza. Eu pensava que pra ter alguma coisa legal meus amigos iam preferir que tivesse bebida alcoólica mas no final percebi que todos nós somos loucos de natureza e não precisávamos de nada daquilo. Foi uma noite maravilhosa, pude rever amigos que estava morrendo de saudades e aproveitar um tempinho com eles. Apesar de eu ainda não saber quando eu vou embarcar tive que fazer antes já que me mudei e não teria mais tempo.

A decoração foi toda Estados Unidos vs Brasil e foi difícil ornar tudo isso! Minha mãe que adora festas foi a que mais fez haha Eu louca como sempre, gastei horas fazendo essa cortina de fitas que no final fiquei apaixonada e virou lugar para tirar as foto. Nas mesas haviam bandeirinhas dos dois países e eu me esqueci de tirar fotos da decoração. Me julguem :( 

Na internet achei várias receitas de bebidas sem álcool e todo mundo amou porque as cores ficam lindas e fica muito gostoso também. A massa da mini pizza compramos pronta, o molho também e no final só montamos. Comi várias, engordei mais e a de chocolate estava tudo de bom.


Quem é pré intercambista acho super válido fazer uma festinha ou então apenas se reunir com os amigos para bater um papo, é muito legal saber que existem tantas pessoas do seu lado e que estão torcendo por você nessa nova aventura. Obrigada a todos que compareceram, amo vocês <3 



Blog Voyageur - Festa de Despedida

Blog Voyageur - Festa de Despedida

Blog Voyageur - Festa de Despedida

Marcadores: , ,





0 comentários • por Beatriz Ferreira •






14 de agosto de 2014
Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Sempre fui apaixonada por artesanato, adquiri isso da minha mãe. Ela sempre me inspirou e sempre gostou de ir a feirinhas de artesanato para conhecer e observar cada detalhe. Como me mudei recentemente a decoração esta sendo feita aos poucos então foi ai que tive a ideia de fazer esse quadrinho para colocar na porta! Eu já conhecia essa arte e decidi colocar em prática. O post vai ficar longo mas tentarei ser breve e explicar o máximo que puder! Você pode fazer outros desenhos, usar outras linhas e cores. Solte a imaginação mas sempre muito cuidado com o martelo, seus dedos agradecem hahahaha 


  Materiais utilizados

Blog Voyageur - String Art Quadro com pregos e linha

Linhas coloridas ou barbante
Martelo
Prego 10x10
Fita adesiva
Placa MDF do tamanho que preferir
Tinta acrílica decorativa 
Imagem molde
Pincel 
Tesoura

 ✈  Primeiro Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com pregos e linha

Pinte as bordas com a tinta branca para que fique com um melhor acabamento. Se você tiver escolhido outra cor, utilize a mesma tinta para que a cor fique igual. 

✈  Segundo Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com pregos e linha

Cole o molde com a fita na placa MDF, deixe bem firme para que não solte depois. Com o martelo e muita calma para não acabar com seu dedo vá martelando os pregos deixando o espaço de um dedo indicador, o meu é bem pequenino então foi o espaço perfeito.
Dica: Comece sempre pelas pontas.

✈  Terceiro Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com pregos e linha

Faça um lado e depois o outro, em alguns lugares menores diminui o espaço de um prego para outro. 

✈  Quarto Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Após martelar e contornar todo o desenho se certifique que os pregos estão bem firmes. Retire as fitas adesivas e vá rasgando o papel para que saia, não deixe nenhum pedaço.

✈ Quinto Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Faça um nó em um prego de sua preferência e da forma que você souber, eu sai amarrando de qualquer jeito, mas não se esqueça de que esteja BEM mas tipo ultra,hiper,mega firme para que não solte durante os outros passos! Eu não fiz somente um nó, mas sim vários e recomendo fazerem o mesmo. Logo após você dar os nós, você irá passar a linha entre os pregos em movimento zigue-zague, não se esqueça: zigue-zague sempre! Continue contornando o desenho. 
Dica: Conforme for passando a linha entre os pregos vá segurando com seu próprio dedo para que ela não fique folgada, sempre puxe para deixa-la firme e sempre pressione a linha para baixo. 

✈ Sexto Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Eu decidi dividir o desenho em três partes. A primeira com o azul mais escuro, a segunda com o azul médio e o terceiro com o azul bem clarinho. Após você contornar seu desenho, ou a parte que desejar, você vai começar a cruzar a linha de um prego para outro. Lembrando que a partir do momento em que você fizer o nó do inicio você não poderá cortar a linha na metade do processo! Apenas quando você trocar de cor que você irá fazer um nó em qualquer prego, deixar bem firme e então cortar. Cruze da forma que preferir, em sentindo horizontal ou vertical, não precisa ser nada certo e pro mesmo sentido, vai tudo pela sua criatividade. 
Dica: Vá completando os espaços, então se na primeira vez você fez pela vertical na segunda vez você fará pela horizontal.

✈ Sétimo Passo

Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Como eu usei quatro cores diferente eu cruzei muitas e muitas vezes. Primeiro comecei o mais escuro, depois o médio, o claro e por fim a linha que continha as três cores juntas. Ficou cheio de fios pois eu sempre trocava de cor, então eu fazia o nó bem firme e cortava. Você irá passar as linhas quantas vezes e quantas camadas desejar. Quando tirei essa foto ainda não tinha finalizado mas tive que correr para poder tirar a foto já que a luz do dia estava acabando. 

Eu adorei passar dois dias empenhada nisso, o tempo passou e pude e distrair a mente. Estou comprando mais material para fazer outro quadro que a minha mãe pediu e também vou fazer um para minha Host Family, será que eles vão gostar? 

Achei uma ótima ideia para pré intercambistas, a gente fica tão mas tão ansioso que muitas vezes acaba descontando na comida ou acaba se estressando. Artesanato acalma, distrai e você acaba forçando a criatividade. 

Espero que tenham gostado e se fizerem me mande em alguma rede social ou deixem o link aqui do resultado, vou amar ver o que vocês criaram! Deixo aqui em baixo algumas inspirações de outras String Arts e me contem, qual vocês gostaram mais? 

Blog Voyageur - String Art Quadro com Pregos e Linha

Beijos de luz.



Marcadores: , ,





5 comentários • por Beatriz Ferreira •






11 de agosto de 2014
Blog Voyageur - 17 anos e 17 coisas que todo intercambista deve fazer

Pois bem, tenho uma novidade para contar a vocês... HOJE É MEU ANIVERSÁRIO!!! Eu amo esta data e mesmo que na maioria das vezes eu não faça nada, eu gosto, me sinto especial e desculpa mas é o melhor dia do ano hahaha amor próprio sempre. Estou fazendo 17 anos e o que eu mais queria era podemos viajar depois do meu aniversário. Porque ninguém merece acabar de chegar no intercâmbio, não conhecer ninguém e ainda passar o aniversário "sozinha" e aconteceu!!! Apesar de eu ainda não ter host family e nem saber para onde vou, estou sempre vendo o lado positivo das coisas e essa foi uma das que mais identifiquei. 

Como gosto de que todos saibam que é meu aniversário decidi fazer um post sobre isso e juntar o útil com o agradável e já aproveitar para fazer uma lista com 17 coisas que TODO intercambista de High School DEVE fazer. Uma dessas coisas você tem que fazer porque se não fizer você não vai ser considerado intercambista! É uma regra! hahaha mentira.

Precisei da ajuda dos meus lindos intercambistas do grupo no facebook de 2014/2015 para fazer essa lista então beijos amores. Vamos lá: 

✈ Experimentar comidas novas
2  Comprar muitas roupas, acessórios e eletrônicos
3 ✈ Se fantasias, pedir doces e ir em uma haunted house no Halloween
4 ✈ Jogar beer pong
5 ✈ Ir em uma house party e fugir dos cops
6 ✈ Tirar foto de biquíni ou samba canção na neve
7 ✈ Fazer um esporte diferente
8 ✈ Aprender a conviver com pessoas que você nunca viu na vida
9 ✈ Fazer Snowboard ou algum outro esporte na neve
10 ✈ Ir viajar com a sua host family
11  Ir a algum jogo de basket, baseball ou football
12  Aprender todas as gírias da sua cidade
13 ✈ Ir ao homecoming, prom e todas as festas que sua escola promover
14 ✈ Conhecer pessoas de todos os continentes e quebrar algumas regras com elas hehe
15  Estudar muito o inglês para voltar o mais fluente possível 
16 ✈ Ficar do lado de fora da loja esperando abrir para o Black Friday 
17  Aproveitar cada minuto do seu intercâmbio pois passa voando

Essa lista é pequena!! Ainda tem muita coisa que eu gostaria de fazer e que alguns intercambistas fizeram e deram dicas mas como eram só 17 deixa para a próxima! Snif :( Se quiserem, deem dicas do que eu posso fazer no intercâmbio ou se forem pré intercambistas o que vocês querem fazer? 

Beijos!

Marcadores: ,





4 comentários • por Beatriz Ferreira •






8 de agosto de 2014
Blog Voyageur - Embu das Artes

A muitos anos eu e minha família vamos a um lugar que conheço como paraíso do artesanato. Quadros, costura, madeira, antiguidades, TUDO que se possa imaginar eu sempre encontro em Embu das Artes, uma cidade aqui em São Paulo bem pertinho da capital, ótima para se passar a tarde no verão ou no inverno. A feirinha ocorre todo domingo e se você é daqui de São Paulo, vale ir até lá conhecer. 

Sempre que podemos vamos lá, andamos pelo centrinho, vemos as novidades, minha irmã como sempre gastando dinheiro e eu indo mais pela maravilhosa praça de alimentação, que tem muitas coisas gostosas pra comer e com enorme variedade. Atualmente eles promovem música ao vivo, e nesse dia logo que fomos embora começou um show de forró estilo djavu! Mas antes, tinha um cantor apresentando um repertório como Tim Maia, Cazuza e Legião Urbana. Tem como não amar?!

Para os pré intercambistas que são aqui de São Paulo, essa é uma ótima dica para quem procura presentes para dar as Host Family's, já que por causa da copa, muita coisa do Brasil esta sendo vendida. 

Ultimamente estou tentando levar minha câmera para vários lugares, já que ficou muito tempo parada, então sempre erro nos cortes e ângulos, mas vamos lá para as fotos!

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Blog Voyageur - Embu das Artes

Quem for de São Paulo não pode perder a oportunidade de ir a Embu das Artes e conhecer um pouquinho da cidade, dica até para os pré-intercambistas hein!! Beijos. 

Marcadores: ,





11 comentários • por Beatriz Ferreira •






6 de agosto de 2014
Blog Voyageur - Créditos: Ashley Baxter

Hoje venho por este post com o intuito de guia-los a como começar a fazer o, longo, processo de intercâmbio. Para se fazer um intercâmbio tempo e paciência é essencial. O processo é um pouco lento para qualquer tipo de programa, algumas pessoas conseguem fazer tudo em 6 meses mas outras precisam de um pouco mais de tempo. Então para vocês evitarem qualquer dor de cabeça é necessário se programar com antecedência e fazer uma listinha, ou até mesmo usar esta, e seguir com calma que no final tudo da certo haha. Bom, vamos lá! 

Analise seu orçamento: 
O intercâmbio não é algo barato relacionado a uma viagem de turismo qualquer. É preciso que antes de tudo você analise seu orçamento pois será necessário que você, ou seus pais, te sustente durante sua estadia no outro pais. Valendo lembrar que dependendo do tempo e tipo de programa, você terá que gastar com compras, passeios, escola, materiais, alimentação etc. Com relação ao programa muitas agências dividem e parcelam o intercâmbio em várias vezes, deixando as parcelas menores para que caiba em seu bolso. Hoje já existem mais oportunidades para quem não pode pagar R$60,000 em um intercâmbio, como eu. 

✈ Escolha o melhor programa para você:
Hoje existem muitos tipos de intercâmbio. Os programas começam com a idade de 10 anos e vão além do doutorado, claro, cada agencia com uma ou várias especialidades. Primeiramente você tem que colocar no papel o que você quer. Estudar? trabalhar? fazer um curso de idioma? ser voluntário? passear?. Você tem que decidir o que você quer e o que será melhor para você e seu futuro pois será mais fácil você já ter decidido o que quer e assim achar um programa certo para você quando for na agência.

A procura da agência: 
Logo após de decidir o programa ideal para você a agência vem logo em seguida. Google é a melhor ferramenta pra isso, existem várias agências que você pode colocar seu estado e achar o escritório mais próximo de você. A agência acredito que deve ser escolhida pela qual você mais se identificar, seja pelo preço, atendimento ou as regras. Você tem que ter confiança pois ela te ajudará em todo o processo pré intercâmbio.


Preenchimento dos Papéis: 
Essa é a parte em que eu menos gosto, precisa de paciência e atenção para não esquecer de nenhum detalhe. Todos os documentos precisam ser entregues e a maioria das agências estipulam um prazo para que isso ocorra. Para o programa High School é necessário fazer o Slep Test e preencher o Application, no programa de AuPair também. Visto e passaporte também precisam de muitos papéis para preencher e correr atrás, coisas que você nem imaginava existir! 

Esses são os primeiros passos que eu utilizei e acho necessário para começar, após isso você dará entrada ao seu intercâmbio, continuará preenchendo papéis, precisando de mais paciência até embarcar e ter uma ótima experiência! Muitas pessoas tem a oportunidade de fazer intercâmbio mas não sabem por onde começar, outras não tem a oportunidade mas saibam que hoje existem programas do governo, de escolas e até sorteios em agências que oferecem o programa gratuito. Então se esforcem, corram atrás, nunca desistam dos seus sonhos, pensem positivo e como o título do post diz: Pare de dizer EU QUERO. Comece a dizer EU VOU!

Marcadores: ,





6 comentários • por Beatriz Ferreira •







sobre


Beatriz, 16, Leonina, Paulistana e Intercambista. Mais?

Facebook Flickr Tumblr WeHeartIt Image Map

pesquise



categorias

instagram

arquivos

info
Voyageur - 2014 ©

Todas as postagens aqui contidas são de autoria de Beatriz Ferreira, exceto quando apontado o contrário. As imagens utilizadas são fruto de reproduções, e se você teve seu conteúdo publicado aqui e deseja que seja retirado, entre em contato em e-mail.





Design e codificação por Júlia Duarte. From scratch, with ♥ Powered by Blogger.