11 de dezembro de 2014


Nunca imaginei que um abraço faria tanta falta. Dizem que americanos são muito frios, onde moro realmente são. Muito raro ver alguém se abraçando e quando se vê e aquele ato frio com direito a um tapinha nas costas. Falta de abraço e o inicio para minha homesick de todo mês. 


Geralmente não tenho homesick e acho que estou indo muito bem neste quesito, sinto muita falta dos meus pais, da minha sobrinha e da minha irma o que e normal para uma intercambista.


Ja teve vezes de eu estar mal ir abraçar alguém e me empurrarem! Pois e, já aconteceu muito. Onde moro os americanos são daqueles que seguem o estereotipo que nos brasileiros costumamos dar aos gringos, mas também não e em todo o Estados Unidos que isto acontece e também não são todos os americanos.


O mais engraçado aqui são quando duas pessoas começam a namorar. Eles só andam de mãos dadas e se abraçam quando chegam na escola e quando vão embora. Também tem todo o drama, todos os dias vejo muitas meninas chorando e os meninos fazendo uma cena que poderia ser colocada como cena adicional no High School Musical. -garota passando no corredor chorando com duas amigas consolando e o menino olha, abaixa os olhos, bate a cabeça no armário e anda se arrastando com lágrimas nos olhos dizendo baixinho "me perdoa"- Juro!!! E bem engraçado de se ver e muito estranho.


Ja ouvi dizerem que nos brasileiros somos muito grudentos e afetuosos, tenho orgulho de ser brasileira. Nos costumamos nos cumprimentar com um beijinho no rosto ou um abraço e aqui e apenas um tchauzinho de longe, se for um guri não pode nem sorrir que já falam que vocês estão namorando.


Outro choque cultural que tenho muita dificuldade de me adaptar aqui na minha família e o fato de eles terem pessoas preferidas. A mãe tem a filha preferida e a trata bem, já os dois outros não faz muita questão se esta bem ou não. E assim e fazem isso não só com os filhos mas com todas as pessoas e ate com os netos! Fico de boca aberta de ver mas eles são criados assim, então os “não preferidos’’ já estão acostumados e nem ligam, se minha mãe falasse que preferia minha irma a mim do estilo americano eu me jogava da ponte de tanta tristeza.


Os americanos tem muitos costumes diferentes dos nossos, alias tudo e diferente. Mas isso e muito bom, você aprende querendo ou não aceitar a cultura oposta e se adaptar a isso ou então você enlouquece em 10 meses. Com esse choque já aprendi a ser independente e ate estou me tornando a ser mais fria do que já costumo ser, bom pra quem pretende viver sempre longe. Faz falta? Faz e muita mas você aprende a viver e isso se chama desafios de intercambio.

Esses foram e são os choques culturais que mais tenho dificuldades de me adaptar, nunca mais vou recusar um abraço, um sorriso ou algum afeto brasileiro porque nunca senti tanta falta do nosso calor humano. Agora estou planejando um "free hugs" o que acham?? brinks.

Marcadores: , ,





3 comentários • por Beatriz Ferreira •


Blogger Victória Costa escreveu:
Meu Deus! Estou chocada com esse lance de filha preferida. É realmente muito diferente! Eu não sei se conseguiria sobreviver no meio de pessoas assim, sério.
De repente cresci



11 de dezembro de 2014 19:19  
Blogger Bárbara escreveu:
Sou grudenta mesmo, não dispenso um abraço, colo, cafuné... Viva os hábitos Brasileiros hahaha
Ai, imagina esse frio sem poder abraçar ninguém ): ps: arruma um namorado aí Bia :B
Esse negócio de filho preferido... também me jogaria da ponte se minha mãe fizesse uma coisa dessas. A gente sabe que sempre tem um filho mais querido, geralmente mais velho ou mais novo, mas as mães tentam esconder isso sabe? Deixar assim tão explícito deve ser bad.


11 de dezembro de 2014 20:03  
Blogger Emilly Oliveira escreveu:
Eu sou uma pessoa fria, por um lado acho que eu me acostumaria com a cultura americana. Mas gente :o isso de filho preferido, que horror, acho que eu também não aguentaria.
Provavelmente eu teria homesick haha


11 de dezembro de 2014 22:31  

Postar um comentário






sobre


Beatriz, 16, Leonina, Paulistana e Intercambista. Mais?

Facebook Flickr Tumblr WeHeartIt Image Map

pesquise



categorias

instagram

arquivos

info
Voyageur - 2014 ©

Todas as postagens aqui contidas são de autoria de Beatriz Ferreira, exceto quando apontado o contrário. As imagens utilizadas são fruto de reproduções, e se você teve seu conteúdo publicado aqui e deseja que seja retirado, entre em contato em e-mail.





Design e codificação por Júlia Duarte. From scratch, with ♥ Powered by Blogger.